CUCA Fu[n]dida

O nome do Blog é uma brincadeira com o nome do livro do escritor Woody Allen. No livro o escritor trata de situações cotidianas sendo distorcidas e satirizadas. Woody faz um humor irônico que beira a sutileza das convenções sociais, mas que mesmo assim ridiculariza tudo e todos. A intenção do autor é levar seu público a refletir sobre o contexto em que vive e mesmo assim consegue construir, também reflexões sem nexo. Sem sentido algum. Woody Allen é um escritor que vale a pena.
O Blog CUCA Fu[n]dida é um momento de delírio do seu escritor, por suas muitas aventuras e desventuras. O Blog surge inicialmente com o nome Escritos de um bêbado, após algum, tempo passa a chamar-se Escritos de um bêbado: O diário de Miguew Kagado que é um personagem fictício que por sua conduta machista, foi abandonado pela esposa, passa a viver sozinho em um quartinho alugado. Começa a delirar a agir como se nada houvesse acontecido. Passa a falar sozinho e discutir com a mulher (que não está mais lá) sobre sua vida e seus erros. Miguew Kagado suspira recordações da infância e debates sobre educação com a avó de seu filho que por pena não comenta o fato de sua filha já está levando a vida em frente enquanto ele entrega-se cada vez mais a solidão de um quarto sujo nos fundos de um beco.
Os caminhos que o autor tem tomado levam a incompreensão, pois o Blog ora é a narrativa de Miguew Kagado, ora são os versos e anversos de uma vida que ele julga ser real.
Miguew Kagado é apenas um homem, uma janela e um tempo quase que irreal que mistura passado e presente num quarto solitário.